Curso de Administração Pública lança revista eletrônica

O Curso de Administração Pública do Setor Litoral da UFPR lançou o primeiro número da Gestus – Cadernos de Administração e Gestão Pública. O objetivo da publicação, totalmente online, é divulgar trabalhos acadêmicos, reflexões e relatos de experiências ligada a esta área do conhecimento.

A revista eletrônica tratará de temas como gestão pública, políticas públicas, gestão de políticas públicas e gestão social. Objetiva, ainda, inspirar inovações na administração pública local, bem como ampliar o engajamento e a compreensão do que se entende por interesse público.

Acesse o link, conheça mais da proposta da revista e confira o Volume 1:

http://www.litoral.ufpr.br/gestus/

* A partir de informações do Boletim SemanaUFPR #36 – 23 abr. 2018

Anúncios

Aquisição de Material Bibliográfico

Há três portas de entrada de livros e demais materiais bibliográficos (incluindo assinatura de periódicos e bases de dados) no SiBi UFPR: compra, doação e permuta. Hoje falaremos da aquisição por compra, responsabilidade do Departamento Técnico/Aquisição (DT/AQUI). É por aqui (com o perdão do trocadilho) onde os livros e todos os demais materiais bibliográficos que compõem o acervo do SiBi UFPR iniciam sua trajetória pela Universidade. 

Tudo começa pela disponibilidade orçamentária. As unidades solicitantes verificam se há verba e encaminham ao DT/AQUI, via processo, a listagem dos livros a serem adquiridos ou, preferencialmente, entram em contato com a biblioteca que atende o curso para que esta auxilie no procedimento. É possível também a aquisição via projeto de pesquisa, com recursos advindos do Fundo de Desenvolvimento Acadêmico (FDA), Capes, Funpar etc. As indicações dos títulos da graduação a serem adquiridas devem estar registradas na bibliografia básica ou complementar e passar pelos Núcleos Docentes Estruturantes de cada curso para aprovação.

Após conferência e formatação, o processo é submetido via Sei, gerando um novo processo: a licitação, que pode ser nas modalidades Pregão Eletrônico, Registro de Empenho ou Compra Direta (inexigibilidade). aquiDepois da compra efetuada, vem a “festa”: o recebimento dos materiais! DT/AQUI lotado de caixas e mais caixas repletas de livros que, um a um, são conferidos em relação à quantidade solicitada no pedido, título, ISBN, edição e valor da nota fiscal. Feita a verificação, os livros são enviados ao CPT (já apresentado em posts anteriores: Parte I e Parte II) para catalogação do título. Por fim, os materiais retornam ao DT/AQUI novamente para serem patrimoniados e, na sequência, distribuídos às bibliotecas dos setores. Após o pagamento das notas, o ciclo se reinicia. Este é o procedimento padrão para aquisição de livros por licitação, envolvendo livrarias e distribuidoras comerciais. O procedimento varia um pouco para os demais materiais bibliográficos, bem como para materiais adquiridos diretamente com editoras.

Segundo o bibliotecário Denis Uezu, chefe do DT/AQUI, “os desafios do departamento para 2018 são verificar as vantagens e desvantagens de um novo modelo de licitação, comparando-o com os outros já utilizados pelo departamento, e a compra de e-books. Para esta, é necessária criteriosa análise dos títulos e de sua aplicabilidade, a partir das estatísticas de uso por curso, a fim de definir o melhor custo-benefício na escolha do modelo a ser comprado e/ou assinado”

Estudante de graduação, responda a pesquisa “V Perfil Discente”

Conhecer a realidade é o primeiro e um dos mais importantes passos para planejar políticas públicas. Por isso, a Universidade Federal do Paraná – UFPR está reforçando o apelo para que os estudantes de graduação participem da Pesquisa do Perfil Socioeconômico dos Estudantes das Universidades Federais. Esta é a quinta edição da pesquisa, realizada pela Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes) e pelo Fórum Nacional de Pró-Reitores de Assistência Estudantil (Fonaprace), com apoio da Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis da UFPR (PRAE).

CLIQUE AQUI para a acessar o questionário e contribua com a pesquisa, é importante!

*A partir de informações do Boletim SemanaUFPR #34 – 09 abr. 2018

SiBi UFPR no XX SNBU

snbu

Mais uma vez o SiBi UFPR está muito bem representado no XX Seminário Nacional de Bibliotecas Universitárias (SNBU), evento consolidado como um dos maiores fóruns de discussão dos profissionais da área de informação, em especial dos que trabalham no âmbito acadêmico. A edição deste ano acontece de 15 a 20 de abril, em Salvador (BA), e traz como tema de reflexão “O futuro da biblioteca universitária na perspectiva do ensino, inovação, criação, pesquisa e extensão”.

Serão cinco trabalhos apresentados por servidores do nosso SiBi:

•        Biblioteca da UFPR Litoral no Facebook: relato de experiência e estratégias de publicação / por Fabrício Silva Assumpção;

•        Desenvolvimento de uma plataforma para apoiar o aprendizado dos formatos MARC 21: um relato de experiência / por Fabrício Silva Assumpção e Jaider Andrade Ferreira;

•        Disseminação seletiva da informação baseada em projetos de docentes: proposta de serviço para a Biblioteca de Ciências Jurídicas da Universidade Federal do Paraná (UFPR) / por Paula Carina de Araujo;

•        Programa de capacitação de usuários para a pesquisa científica em saúde: a experiência da Biblioteca de Ciências da Saúde – Sede Botânico, da Universidade Federal do Paraná / por Josefina Soares Guedes e Natasha Pacheco de Mello Oliveira; e,

•        Promovendo a leitura e a cidadania: o papel da BU junto a sua comunidade – o caso da Biblioteca da UFPR Litoral / por Romilda Aparecida dos Santos, Simone Ferreira Naves Angelin e Nelcy Teresinha da Rosa Kegler.

A lista completa dos trabalhos pode ser visualizada aqui.

Dia da Biblioteca

web_MG_5591

Nossa singela homenagem a estes lugares sagrados!

Poema de los dones

Nadie rebaje a lágrima o reproche
esta declaración de la maestría
de Dios, que con magnífica ironía
me dio a la vez los libros y la noche.

De esta ciudad de libros hizo dueños
a unos ojos sin luz, que sólo pueden
leer en las bibliotecas de los sueños
los insensatos párrafos que ceden

las albas a su afán. En vano el día
les prodiga sus libros infinitos,
arduos como los arduos manuscritos
que perecieron en Alejandría.

De hambre y de sed (narra una historia griega)
muere un rey entre fuentes y jardines;
yo fatigo sin rumbo los confines
de esa alta y honda biblioteca ciega.

Enciclopedias, atlas, el Oriente
y el Occidente, siglos, dinastías,
símbolos, cosmos y cosmogonías
brindan los muros, pero inútilmente.

Lento en mi sombra, la penumbra hueca
exploro con el báculo indeciso,
yo, que me figuraba el Paraíso
bajo la especie de una biblioteca.

Algo, que ciertamente no se nombra
con la palabra azar, rige estas cosas;
otro ya recibió en otras borrosas
tardes los muchos libros y la sombra.

Al errar por las lentas galerías
suelo sentir con vago horror sagrado
que soy el otro, el muerto, que habrá dado
los mismos pasos en los mismos días.

¿Cuál de los dos escribe este poema
de un yo plural y de una sola sombra?
¿Qué importa la palabra que me nombra
si es indiviso y uno el anatema?

Groussac o Borges, miro este querido
mundo que se deforma y que se apaga
en una pálida ceniza vaga
que se parece al sueño y al olvido.

Jorge Luis Borges, 1960

#diadabiblioteca


Foto: Danielle Salmória | Sala de Obras Raras da Biblioteca de Ciências Jurídicas da UFPR

Bibliotecária da UFPR é autora de livros infantis sobre tecnologia e Internet

O mês de abril é marcado por duas grandes datas da literatura infantil: o Dia Internacional do Livro Infantil, comemorado no dia 02, e o Dia Nacional do Livro Infantil, comemorado no dia 18.

No Sistema de Bibliotecas da UFPR, temos a honra de termos no quadro uma bibliotecária que é autora de livros infantis, Rosilei Vilas Boas, a Rosi. Uma das coisas que Rosi realiza na vida, além de exercer suas atividades como bibliotecária na Biblioteca de Ciências Biológicas, é escrever livros destinados às pimpolhas e aos pimpolhos, em produção conjunta com as amigas Cassiana Pizaia e‎ Rima Awada Zahra.

Entre outras obras, o trio de autoras desenvolveu a Coleção Crianças na Rede, que aborda os benefícios e as consequências negativas da tecnologia para as crianças. São quatro livros que compõem a coleção: Máquinas Do Tempo, Palavras Que Voam, Superligado e A Floresta Misteriosa.

Rosi conta que os livros trazem histórias sobre cyberbullying, o vício em tecnologia, os perigos na Internet e a tecnologia através do tempo. “Todos os livros da nossa coleção foram escritos para crianças que cresceram com os olhos grudados nas telas. Muitos aprendem apertar os botões das máquinas antes mesmo de amarrar os sapatos”.

Além do entretenimento, os leitores mirins se identificam com os personagens, gerando reflexão acerca do equilíbrio e a maneira correta de navegar na Internet. “Com enredos próximos ao cotidiano das crianças, pretendemos que nossos livros estimulem a discussão sobre hábitos, atitudes e comportamentos diante das novas tecnologias”, explica Rosi. As autoras também elaboraram materiais de apoio para o uso de professores em sala de aula, e com sugestão de atividades que auxiliam na interpretação dos textos.

Atualmente, elas estão escrevendo outra série de livros, desta vez sobre crianças imigrantes que vivem no Brasil, com previsão de lançamento nos próximos meses. Um dos livros contará a trajetória de um haitiano e um sírio, que após desastres naturais e guerras em seus países, reconstroem suas vidas em nosso país. “O que a gente quer mostrar às crianças é que a formação do povo brasileiro se dá com vinda de diversos povos e isso continua até hoje. Eles precisam ser muito bem aceitos e acolhidos na escola, na sociedade, na sua religião e na sua cor. É esse olhar de diversidade que desejamos”, revela a autora e bibliotecária.

Se você gostaria de saber mais sobre os livros da coleção, ou mesmo, quiser adquiri-los, acesse a loja virtual da Editora do Brasil: https://www.editoradobrasil.com.br/lojavirtual/

*Realizamos a postagem a partir de informações de matéria que saiu na edição nº 212 do Bionews, com algumas modificações e incrementos. O Bionews é o excelente boletim de notícias do Setor de Ciências Biológicas da UFPR, produzido semanalmente, publicado no website do setor e enviado por email à sua comunidade acadêmica. Se tiver curiosidade de acessar números anteriores do Bionews, clique aqui

Bombando!

E aí, neste ano você já emprestou quantos livros das bibliotecas da UFPR? Confira os livros de maior saída durante o mês de março em cada biblioteca pelo ranking do SiBi UFPR!

top3

 

AGRÁRIAS

3º – Tratado de Anatomia Veterinária (K. M. Dyce)

2º – Manual de Fitopatologia (Hiroshi Kimati)

1º – Entomologia Agrícola (Domingos Gallo)

BATEL

3º – Arte & Percepção Visual (Rudolf Arnheim)

2º – A Imagem (Jacques Aumont)

1º – Ponto e linha sobre plano (Wassily Kandinsky)

BIOLÓGICAS

3º – Bioquímica (Carmen Lúcia de Oliveira Petkowicz; et al.)

2º – Sobotta | Atlas de Anatomia Humana (Sobotta)

1º – Lehninger | Princípios de Bioquímica (David L. Nelson)

CABRAL

3º – Rádio: produção, programação e performance (Carl Hausman; et al.)

2º – Psicodinâmica das cores em comunicação (Modesto Farina)

1º – Planejamento de relações públicas na comunicação integrada (Margarida Maria Krohling Kunsch)

CEM

3º – Cálculo | Volume 1 (James Stewart)

2º –  Um curso de cálculo (Hamilton Luiz Guidorizzi)

1º – Fundamentos de Física (David Halliday)

CIÊNCIA E TECNOLOGIA

3º – Fundamentos de Física (David Halliday)

2º – Físico-química (P. W. Atkins)

1º – Um curso de cálculo (Hamilton Luiz Guidorizzi)

EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA

3º – Física: ensino médio (Antonio Maximo Ribeiro da Luz)

2º – Filosofia: experiência do pensamento (Silvio Gallo)

1º – Biologia moderna (Amabis & Martho)

FLORESTAL MADEIREIRA

3º – Um curso de cálculo (Hamilton Luiz Guidorizzi)

2º – Anatomia da madeira (Luiza Maria Burger)

1º –  Fundamentos de Física (David Halliday)

HUMANAS

3º – Manual de normalização de documentos científicos: de acordo com as normas da ABNT | Normas da UFPR (Maria Simone Utida dos Santos Amadeu; et al.)

2º – Mil platos: capitalismo e esquizofrenia (Gilles Deleuze)

1º – Obras psicológicas completas de Sigmund Freud (Sigmund Freud)

JANDAIA

3º – Cálculo | Volume 1 (James Stewart)

2º – Fundamentos de Física (David Halliday)

1º – Álgebra linear com aplicações (Howard Anton)

JURÍDICAS

3º – Direito civil: obrigações (Paulo Luiz Netto Lôbo)

2º – Primeira lição sobre direito 1118826

1º – Introdução teórica à história do direito 1032881

MIRASSOL

3º – Cálculo | Volume 1 (James Stewart)

2º – Química: a ciência central (Paolo Grossi)

1º – Fundamentos de Física (David Halliday)

REBOUÇAS

3º – Ser e tempo (Martin Heidegger)

2º – Sobre o behaviorismo (B. F. Skinner)

1º – Tornar-se pessoa (Carl R. Rogers)

SAÚDE

3º – Semiologia da criança e do adolescente (editoras Rosana Fiorini Puccini; Maria Odete Esteves Hilário)

2º – Harrison | Medicina Interna (Tinsley Randolph Harrison)

1º – Aparelho digestivo: clínica e cirurgia (Júlio Cezar Uili Coelho com a colaboração de 340 notáveis especialistas)

SAÚDE BOTÂNICO

3º – Terapia ocupacional: fundamentação & prática (Alessandra Cavalcanti de Albuquerque Souza)

2º – Fundamentos para a prática em terapia ocupacional (Rosemary Hagedorn)

1º – Terapia ocupacional: reabilitação física e contextos hospitalares (Organizadoras: Marysia Mara Rodrigues do Prado De Carlo; Maria Cândida de Miranda Luzo)

SOCIAIS APLICADAS

3º – Microeconomia: princípios básicos: uma abordagem moderna (Hal R. Varian)

2º – Manual de macroeconomia: nível básico e nível intermediário (Organizadores: Luiz Martins Lopes; Marco Antonio Sandoval de Vasconcellos)

1º – Análise financeira de balanços: abordagem básica e gerencial (Dante C. Matarazzo)

TOLEDO

3º – A história da medicina: das primeiras curas aos milagres da medicina moderna (Anne Rooney)

2º – Fisiologia (Bruce M. Koeppen; Bruce A. Stanton)

1º –  Sobotta | Atlas de Anatomia Humana (Sobotta)

UFPR LITORAL

3º – Ler e escrever: estratégias de produção textual (Ingedore Grunfeld Villaça Koch)

2º – Sobotta | Atlas de Anatomia Humana (Sobotta)

1º – Coleção de fotos Terra (Sebastião Salgado; introdução de José Saramago ; versos de Chico Buarque)

UFPR PALOTINA

3º – Fundamentos de Física (David Halliday)

2º – Química: a ciência central (Paolo Grossi)

1º – Manual de Fitopatologia (Hiroshi Kimati)

Biblioteca JU ministra aulas nas disciplinas de Metodologia

Todos os anos, em parceria com os professores de Metodologia Científica, os bibliotecários da Biblioteca de Ciências Jurídicas (JU) ministram aulas sobre fontes de informação e de referências e citações de trabalhos acadêmicos para os estudantes de primeiro ano do curso de graduação de Direito.

Este ano a novidade está sendo de apresentar e orientar para o uso de softwares gerenciadores de referências e citações, ferramentas essas que visam facilitar a coleta, organização, compartilhamento e citação de documentos.

Além das aulas para os primeiranistas, também está na agenda aulas para os alunos dos 4º e 5º anos do curso, a fim de orientar para a escrita e composição de projetos e monografias. E, aos alunos da pós-graduação, apresentar as diversas fontes de informação e as melhores e mais modernas ferramentas de apoio à pesquisa.

É a biblioteca universitária cumprindo o seu papel de apoio na formação do pesquisador!

*A partir de informações da Página da Biblioteca JU no Facebook

Conheça em números o acervo impresso do SiBi-UFPR de trabalhos acadêmicos

Você sabia que as bibliotecas/unidades do Sistema de Bibliotecas da UFPR reúnem mais de 91.000 (noventa e um mil) trabalhos acadêmicos no acervo impresso?

Acervo impresso nada mais é do que o “acervo físico”, nome pelo qual é mais conhecido. São quase cem mil títulos diferentes de teses, dissertações, monografias de especialização e outros tipos de TCCs (Trabalhos de Conclusão de Curso) presentes para consulta e/ou empréstimo nas bibliotecas da Universidade.

E esse número tem crescido bastante: em 2015, o número total era de 83.302 (oitenta e três mil, trezentos e dois) trabalhos disponíveis; o ano de 2016 fechou com 87.377 (oitenta e sete mil, trezentos e setenta e sete); e em 2017 ultrapassou a marca dos 90 mil, alcançando 91.308 (noventa e um mil, trezentos e oito)! São aumentos significativos de 4,9% (2015-2016) e 4,5% (2016-2017).

Detalhes importantes: são 91.308 títulos. Significa que, se contarmos os exemplares, o número é ainda maior, uma vez que muitos dos trabalhos estão disponíveis com mais de um exemplar. E os títulos não são apenas de trabalhos oriundos da UFPR. Há diversos trabalhos acadêmicos de outras instituições brasileiras e estrangeiras, trazendo ao público diversos títulos da produção científica brasileira e mundial.

Se tiver curiosidade, CLIQUE AQUI e confira outros números e indicadores do SiBi-UFPR.

*Fonte das informações: Relatório de Atividades da UFPR 2015Relatório de Atividades da UFPR 2016 e repasse de informações pela Biblioteca Central da UFPR

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑