SiBi, NAPNE e estudantes dialogam sobre acessibilidade na UFPR

2018_06_22_Roda_de_Conversa_Acessibilidade (7p)Em 21 de junho de 2018, o Grupo de Trabalho de Acessibilidade e Sinalização, uma das comissões de trabalho e gestão existentes no Sistema de Bibliotecas da UFPR, realizou o evento Roda de Conversa sobre Acessibilidade em Bibliotecas.

A proposta foi de reunir servidoras e servidores do SiBi, junto de pessoas convidadas, com integrantes do NAPNE UFPR – Núcleo de Apoio às Pessoas com Necessidades Especiais e estudantes da UFPR com deficiência. Trouxeram a nós considerações gerais sobre as dificuldades das pessoas com deficiência na sociedade; relatos sobre a construção da legislação e políticas públicas de inclusão nos últimos anos, em especial, nas universidades federais; e mais especificamente, as dificuldades encontradas pelos estudantes com deficiência na vida acadêmica, e particularmente nas bibliotecas.

O objetivo, com o compartilhamento de experiências e diálogo com o SiBi, foi de reforçar a busca das bibliotecas em aprofundar a inserção nas políticas inclusivas.

2018_06_22_Roda_de_Conversa_Acessibilidade (2p)

As pessoas que compartilharam suas experiências e conhecimento foram: Prof. Laura Ceretta Moreira, do Setor de Educação e coordenadora do NAPNE; Wagner Bittencourt, cego, mestre em Filosofia e servidor técnico no NAPNE; Bruno Santos Ramos Cerdan, cadeirante, estudante da graduação de Psicologia; e Elisane Conceição Alecrim, surda, estudante da graduação de Letras Libras.

Agradecemos a contribuição de todas e todos!

2018_06_22_Roda_de_Conversa_Acessibilidade (6p)Um especial agradecimento a pessoas que deram suporte técnico a Roda de Conversa. Às estudantes Ana Claudia da Silva Prado e Lais Ponciano de Andrade, integrantes da Agência Ziip – Identidade Institucional, projeto vinculado ao curso de Tecnologia em Comunicação Institucional. As fotos são de autoria delas, que também registraram o evento em vídeo, garantindo assim o registro para a memória do NAPNE e SiBi-UFPR. E à Priscila e ao Vagner, intérpretes de Libras, que fizeram esse trabalho lindo de tornar possível às pessoas que não dominam Libras em se comunicar com as pessoas surdas.

Por uma UFPR construída e planejada de maneira igualitária e inclusiva a todas e todos!

Se gostar da ideia, clique e confira o nosso registro também no:

FACEBOOK

INSTAGRAM

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: